sábado, 8 de novembro de 2008

Roda viva = A viva doR

Perdas são irreparáveis.
Nada consegue atar dois fios que se romperam
Duas mãos que se afastaram
Dois corações que se racharam.
Nossa ignorância parece não nos permitir reparar erros
Atar duas pontas da vida
Conectar dois pedaços num só.
Entretanto tentamos - e como tentamos! - reverter separações
Unir mãos, corações e almas
Mas a vida nos prega peças
Nos tira o destino das mãos
Muda de jogador sem pedir licença.
Quem somos nós para contrariá-la?
Perdas são irreparáveis para aqueles que nelas acreditam.
Mas eu conheço vocês e seus sonhos
Seus desejos e suas esperanças.
Nossas perdas irreparáveis serão ganhos
Nossa distância será a aproximação de mãos.
Andaremos juntos por essa vida, meus amigos!
Porque perdas são a oportunidade perfeita
Para mostrarmos à vida que a amizade é mais forte
Que qualquer separação física.

Um comentário:

b-kaixao disse...

Maravilhoso... Como sempre!