quinta-feira, 19 de março de 2009

Anúncio do novo amor

O anúncio do novo amor não é baixo nem calmo:
Atravessa mares imensos e montanhas traiçoeiras.
O anúncio do novo amor dá alimento aos pássaros verdejantes
Faz companhia ao vento incolor de alvas terras.
O anúncio do novo amor é despretencioso e suave
Sabe-se lá se perdura ou se passa momentaneamente.
O fato é que passa, mexe com os cinco sentidos
Remexe na lembrança e aguça o amor adormecido.
O anúncio do novo amor é certeiro:
Um suspiro denuncia ao mundo inteiro
Que tenho alguém especial ao lado.
Mesmo que o anúncio esteja errado,
quem liga?
O bom é se apaixonar.

Um comentário:

b-kaixao disse...

"Faz companhia ao vento incolor de alvas terras"

Tomara que um dia eu escreva algo tão bom quanto seus textos.


Beijão, linda.