segunda-feira, 27 de julho de 2009

CTMM

Destino de escrever porque se precisa,
não somente porque se quer.
Empunhar a caneta porque tudo o que se tem dos olhos
é a amargura do dia anterior.

A admiração que segue a escrita de seus versos, lhe darei, eu prometo
meu querido amigo de Ribeirão Preto.
Ondas de conexão via internet ligando dois artistas das palavras.

Um colega de hobby e torcedor do time rival
acredito que isso não seja o principal
quando se fala em ler e aprender
quando se fala em escrever...

Consegue-se notar quando um poeta escreve com o coração
e por isso e por muito mais
que lhe tenho grande admiração!

Cê tê emê emê
mais conhecido como Caio
quero mil vezes lhe dizer:
que a força sempre esteja com você!

2 comentários:

Fernando disse...

É incrível como você consegue dedicar algo tão bonito a alguém através de um poema.

Dica disse...

É fácil escrever sobre alguém querido, um amigo, se existe amor nisso.